Busca Rápida

Área:
Todas

federal

Estadual

Contábil

Estados

Hoje é dia 15 de janeiro. Fique ligado nos seus compromissos fiscais da semana!
*Clique sobre a data para saber os compromissos
06/11/2020 Federal Artigo

Tamanho do texto:



PIS/COFINS: Tributação sobre operações realizadas com arroz

Gabriel Quiuli

Milton C. Silva

Paulo C. Lima

Conheça a Garcia & Moreno Consultoria Corporativa

 

1. Introdução

2. Hipótese de alíquota zero

3. Hipótese de suspensão

4. Quanto ao crédito presumido

5. Exportação

 

 

  1. Introdução

Seguindo nossas publicações de artigos pertinentes as tributações e hipóteses de benefícios fiscais das Contribuições para o PIS e para a COFINS incidentes sobre as comercializações dos grãos em operações no mercado interno e de exportações, chegou a vez de tratar do grão arroz. Assim como o feijão, fruto de discussão abordada no artigo anterior, o arroz não pode faltar na mesa do brasileiro, possuindo grande demanda no mercado interno e ganhando cada vez mais espaço no mercado internacional.

Segundo levantamento realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento - Conab, a estimativa para a produção da safra 2020/2021 é de 10,9 milhões de toneladas plantadas em uma área de 1.692,8 mil hectares, sendo a produção quase que totalmente destinada para atender a demanda do mercado interno.

Como já difundido em artigos anteriores o planejamento tributário é uma das ferramentas que nos oportuniza colher melhores resultados, minimizando custos tanto para os produtores, cerealistas, distribuidores e até mesmo reduz o preço em mercado para as aquis...



Tags:
pis , cofins , arroz , tributação , incidência

Data: 06/11/2020 10:19

Última alteração: 06/11/2020 10:24

Gabriel Serafim Quiuli
Consultor

Gabriel Serafim Quiuli, é contador especializando em Contabilidade, Compliance e Direito Tributário pela BSSP, consultor de tributos federais com ênfase nas Contribuições para o PIS e a COFINS, há mais de 6 anos na Garcia & Moreno Consultoria Corporativa, empresa referência nacional em cooperativismo e agronegócio.
Fale Conosco: 44 3031.6470
Siga-nos: